Trazendo o acaso para casa

Diretrizes para o quarto exercício


CALDAS, Waltercio. Dado no Gelo. Fotografia, 1976

Faça o acaso irromper na casa de alguém num certo dia. Você pode, por exemplo, dar instruções para um lance de dados (que, como sabemos, jamais abole o acaso), um cara ou coroa, a escolha de uma carta do baralho, um sorteio de papeizinhos etc. E informar algo do tipo: se sair X, então faça Y. Você também pode inventar maneiras próprias ou inusitadas para provocar o acaso. E lembre-se: o destino de alguém no período de um dia dependerá dos resultados desses lances de sorte, mas suas ações devem estar sempre circunscritas à sua própria casa. 


Se quiser participar dessa proposta, envie-nos suas instruções
(respeitar o limite de 15 linhas ou 1300 caracteres, contando espaços).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: